• Renan Correa Leandro

Quem é o Breno Lopes

A pergunta é justa. Mas, se feita antes de 30/01 às 18h50 a resposta seria do tipo: “Uma opção no banco de reservas de Abel Ferreira” ou então, “um bom jogador que ajudou o Juventude a subir para a série A após 14 anos e foi contratado recentemente pelo Palmeiras”.

Na verdade, houve que o conhecesse bem antes disso. Em Joinville, terra do seu primeiro time profissional, foi vendido por módicos 100 mil reais ao Juventude e houve quem dissesse que não era bom jogador, que não ia vingar e que não valia nada. Ah os críticos! Como é bom deixá-los calados! Como 30 segundos podem mudar opiniões!

Antes desse momento memorável, vamos puxar pela memória a semana do jogo. Canais esportivos comentavam quem seria o herói ou vilão do Maracanã. No embate 11x11, comparando as escalações, quem era melhor? Santos ou Palmeiras? Um detalhe apenas é que Breno Lopes não estava na escalação. Ninguém comparava Bruno Lopes com Soteldo ou com Marinho, ótimos valores da equipe Santista. Ninguém falou de Breno Lopes. Ninguém pensou que Breno Lopes poderia fazer a diferença. Ninguém cogitou que Breno Lopes poderia fazer o gol do título.


Mas, que ironia saber que no seu décimo sexto jogo com a camisa alviverde do Palestra Itália, faria seu primeiro gol pelo clube! Não... não foi no jogo que você está pensando não. Foi contra o Vasco no dia 26/01/2021 em jogo atrasado da primeira rodada do Brasileirão.


Mas, onde está a ironia? Está em saber que se o jogo não fosse atrasado devido ao calendário apertado pós-pandemia, que se o Palmeiras não estivesse na final da Libertadores naquela semana não pouparia seus titulares e em saber que se a defesa do Vasco não fosse uma tragédia (pausa para raiva de um vascaíno), Breno Lopes talvez não fosse lembrado e Gabriel Verón seria a opção natural para dar velocidade ao ataque palmeirense.


Agora sim! Vamos ao sábado histórico. No vestiário pré-jogo, os onze eleitos de Abel Ferreira subiram ao gramado e Breno Lopes vestiu seu colete de reserva. Sabia que dificilmente seria chamado nos 45 minutos iniciais. Esquentar banco fazia parte da sua rotina. Um jogo morno. Dava para apagar com uma borracha todos os 90 minutos iniciais e assistir à partir da pequena confusão protagonizada por Cuca e Marcos Rocha. Como o texto é sobre Breno Lopes, então, vou pular essa parte.

Lançamento para Roni que domina no peito. Um, dois toques para ajeitar com carinho a bola. Cruzamento de chapa. A bola caprichosamente faz uma curva. E lá estava ele! Breno Lopes apareceu como um meteoro. Da meia lua da grande área até a marca do pênalti. Rápido, eficaz, mas também inesperável. Saltou mais alto que o pobre e pequenino Pará que pulou somente para sair na foto. A bola voa e despenca na bochecha da rede. É gol! Corre pro abraço! Tira a camisa! Abraça a galera! Toma o cartão amarelo! É hora da festa! Não deu tempo para mais nada. Curvem-se todos ao bicampeão da América graças a ele. Épico, memorável e inesquecível!


Um jogo para a história não pela beleza técnica, ofensividade ou quantidade de gols, mas por causa do herói improvável.

Talvez Breno Lopes ainda não tenha percebido. Pelo seu semblante pós-jogo a ficha parecia não ter caído. Estava comedido ao lado do professor Abel Ferreira na entrevista. É jovem e com a maturidade vai passar a entender o grandioso feito que acabara de realizar. Ele pode não fazer mais nada em toda a sua carreira profissional. Mas, em todo dia 30/01 de qualquer ano, lembrarão no Palestra Itália os 5 anos, os 10 anos, os 20 anos, os 50 anos dessa conquista e falarão dele. Seu nome foi escrito com uma cabeçada no rol dos heróis do Palestra Itália.

Agora vou responder. Quem é Breno Lopes? É o herói do bicampeonato da Libertadores de um dos maiores clubes do futebol mundial! Parabéns Palmeiras! Parabéns Breno Lopes!



ESTÁ MATÉRIA É UM OFERECIMENTO DO CURSO VESATEC (CLICK AQUI)


Recent Posts

See All
Cópia de Navegação Blog Banner (7).png

ESTANTE DO ESPORTE

  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter

© 2021 Equipe do Estante do Esporte

Newsletter

  • Preto Ícone YouTube
  • Instagram