• Redação

A UEFA SUPERCUP VEM AÍ

CONFIRA TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA CURTIR O JOGO DOS CAMPEÕES EUROPEUS

O QUE É A SUPERCOPA EUROPEIA?

É um evento anual que coloca frente-a-frente os vencedores das duas principais competições europeias de clubes, imaginado pelo jornalista holandês Anton Witkamp e que serve para consagrar o melhor clube da Europa numa determinada temporada. O vencedor da Taça dos Campeões/UEFA Champions League esteve sempre presente, defrontando o vencedor da Taça dos Vencedores de Taças (1972–1999) ou o da Taça UEFA/UEFA Europa League (2000–).


QUEM VAI DISPUTAR A SUPERCOPA EUROPEIA?

O jogo inaugural da nova temporada das competições europeias de clubes coloca em confronto os vencedores da UEFA Champions League e da UEFA Europa League da época anterior. Por isso, na edição de 2021 o Chelsea vai defrontar o Villarreal.


QUANDO E ONDE É O JOGO?

O jogo realiza-se no Windsor Park, em Belfast, na Irlanda do Norte, na quarta-feira, 11 de agosto, com início às 16h00 (HORARIO DE BRASILIA).

Este local sucede a Praga (2013), Cardiff (2014), Tbilisi (2015), Trondheim (2016), Skopje (2017), Tallinn (2018), Istambul (2019) e Budapeste (2020) como cidades escolhidas para receber a Supertaça Europeia da UEFA desde que o jogo deixou de se realizar em exclusivo no Mónaco.


O CAMPEÃO EUROPEU COSTUMA VENCER?

O Bayern, vencedor da UEFA Champions League, ergueu o troféu em 2020, mas este padrão nem sempre tem acontecido. O vencedor da Taça dos Campeões/UEFA Champions League ganhou 25 das 45 edições. Pode consultar aqui em pormenor os recordes e as estatísticas da Supertaça Europeia.


AS EQUIPAS PARTICIPANTES JÁ TÊM PALMARÉS NA SUPERTAÇA EUROPEIA?

Esta será a quinta participação do Chelsea na Supertaça Europeia, registo que apenas é superado por cinco clubes: Barcelona (9), Milan (7), Real Madrid (7), Liverpool (6) e Sevilha (6). Contudo, o emblema de Londres tem tido um rendimento irregular:


Resumo de 2019: Liverpool 2-2 Chelsea (5-4 pens)

1998: V 1-0 Real Madrid (Mónaco)

2012: D 1-4 Atlético (Mónaco)

2013: D 2-2, 4-5 pen Bayern (Praga)

2019: D 2-2, 4-5 pen Liverpool (Istambul)


Esta será a primeira presença do Villarreal na Supertaça Europeia. O título na UEFA Europa League foi, na verdade, apenas o seu segundo troféu de sempre – o primeiro foi quando venceu o campeonato da terceira divisão de Espanha em 1970 (embora tenham estado entre os três clubes que venceram a Taça Intertoto da UEFA em 2003 e 2004).


ONDE SÃO AS PRÓXIMAS EDIÇÕES?

As próximas edições da Supertaça Europeia vão ser na capital finlandesa, Helsínquia, em 2022, e em Kazan, na Rússia, em 2023.


CAMPEÕES EUROPEUS CONTRA...

Os vencedores da Taça dos Campeões/UEFA Champions League levaram a melhor em 25 das 45 edições.

Os vencedores da Taça UEFA/UEFA Europa League ganharam oito das 21 edições desde a extinção da Taça dos Vencedores das Taças: tirando o Zenit em 2008, o único clube a consegui-lo foi o Atlético em 2010, 2012 e 2018.


Por clube

Mais vitórias

· 5 Milan, Barcelona

· 4 Real Madrid, Liverpool

· 3 Atlético

· 2 Ajax, Anderlecht, Bayern, Juventus, Valência


Mais presenças

· 9 Barcelona

· 7 Milan, Real Madrid

· 6 Liverpool, Sevilha

· 5 Bayern, Chelsea*

· 4 Manchester United, Porto

· 3 Ajax, Atlético

*inclui 2021


Por jogador

Mais vitórias

· 4 Dani Alves (Sevilha 2006, Barcelona 2009, 2011, 2015)

· 4 Paolo Maldini (Milan 1989, 1990, 1994, 2003)


Mais presenças (edições)

· 5 Dani Alves (Sevilha 2006, 2007, Barcelona 2009, 2011, 2015), Paolo Maldini (Milan 1989, 1990, 1993, 1994, 2003)

· 4 Karim Benzema (Real Madrid), Dani Carvajal (Real Madrid), Alessandro Costacurta (Milan), Roberto Donadoni (Milan), Isco (Real Madrid), Toni Kroos (Bayern, Real Madrid), Pedro Rodríguez (Barcelona, Chelsea), Marcelo (Real Madrid), Daniele Massaro (Milan), Lionel Messi (Barcelona), Luka Modrić (Real Madrid), Sergio Ramos (Real Madrid), Mauro Tassotti (Milan)


Mais presenças (jogos**)

· 8 Alessandro Costacurta (Milan), Roberto Donadoni (Milan)

· 7 Paolo Maldini (Milan), Daniele Massaro (Milan), Mauro Tassotti (Milan)

· 6 Franco Baresi (Milan), Arie Haan (Ajax, Anderlecht)

· 5 Dani Alves (Sevilla, Barcelona), Marcel Desailly (Milan, Chelsea), Albert Ferrer (Barcelona, Chelsea), Ronald Koeman (PSV Eindhoven, Barcelona), Attilio Lombardo (Sampdoria, Juventus, Lazio), Phil Neal (Liverpool)


Mais golos

· 3 Oleh Blokhin (Dínamo Kiev), David Fairclough (Liverpool), Radamel Falcao (Atlético), Arie Haan (Ajax, Anderlecht), Terry McDermott (Liverpool), Lionel Messi (Barcelona), Gerd Müller (Bayern), Rob Rensenbrink (Anderlecht), François Van der Elst (Anderlecht)


Treinadores

Mais vitórias

· 3 Carlo Ancelotti (Milan 2003, 2007, Real Madrid 2014)

· 3 Josep Guardiola (Barcelona 2009, 2011, Bayern 2013)


Vitórias como treinador e jogador

· Carlo Ancelotti (1990; 2003, 2007, 2014)

· Josep Guardiola (1992; 2009, 2011, 2013)

· Diego Simeone (1999; 2012)

· Luis Enrique (1997; 2015)

· Zinédine Zidane (1996, 2002; 2016, 2017)


Por país

Mais vitórias

· 15 Espanha (Barcelona 5, Real Madrid 4, Atlético 3, Valência 2, Sevilha 1)

· 9 Itália (Milan 5, Juventus 2, Lázio 1, Parma 1)

· 8 Inglaterra (Liverpool 4, Aston Villa 1, Chelsea 1, Manchester United 1, Nottingham Forest 1)


Mais participações

· 29 Espanha (Barcelona 9, Real Madrid 7, Sevilha 6, Atlético 3, Valência 2, Saragoça 1, Villarreak 1*)

· 19 Inglaterra (Liverpool 6, Manchester United 4, Chelsea 5*, Nottingham Forest 2, Arsenal 1, Aston Villa 1)

· 13 Itália (Milan 7, Juventus 2, Inter 1, Parma 1, Lázio 1, Sampdória 1)

*Inclui 2021


Diversos

Jogo com mais golos*: 2015, Barcelona 5-4 Sevilha

Maior vitória*: 2006, Sevilha 3-0 Barcelona, e 2012, Atlético 4-1 Chelsea

Prolongamento: Dez edições da Supertaça Europeia foram decididas no prolongamento, a mais recente em 2019

Desempates por penáltis: 2013 Bayern 5-4 Chelsea (2-2 após prolongamento), 2019 Liverpool 5-4 Chelsea (2-2 após prolongamento)

Golo mais rápido: 50 segundos Diego Costa (2018, Atlético - Real Madrid)

"Hat-tricks": 2 Radamel Falcao (2012, Atlético - Chelsea) e Terry McDermott (1977, Liverpool - Hamburgo, segunda mão)

Golos na própria baliza: Patrick Paauwe fez o único autogolo até agora numa Supertaça Europeia (2002, Feyenoord - Real Madrid).

Cartões vermelhos: Cinco jogadores foram expulsos em jogos da Supertaça Europeia (todos das equipas derrotadas) – Paul Scholes (2008, Manchester United), Rolando e Fredy Guarín (2011, ambos do Porto); Ramires (2013, Chelsea), Thimothée Kolodziejczak (Sevilha, 2016)


20 views0 comments

Recent Posts

See All