• Estante Do Esporte

CAMPEÕES CONTINENTAIS COLHEM RECOMPENSAS

CONQUISTAS IMPULSIONAM SELEÇÕES NO RANKING DA FIFA

Algumas semanas foram muito agitadas para o mundo do futebol. Com o UEFA EURO 2020, a Copa América 2020, a Copa Ouro da Concacaf 2021, as eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA Qatar 2022 ™ e torneios continentais, bem como jogos amistosos, nada menos que 348 encontros internacionais aconteceram desde o Lançada a última edição do Ranking Mundial Masculino FIFA / Coca-Cola.


Consequentemente, houve uma movimentação considerável na classificação, embora a Bélgica tenha conseguido manter a primeira posição, apesar de ter sido eliminada nas quartas-de-final do Campeonato Europeu. Seus últimos oito oponentes e eventuais vencedores do torneio, a Itália, (5, +2), subiram para o top 5, logo atrás da Inglaterra, vice-campeã do EURO (4, sem alteração). Logo acima desse par, Brasil (2, +1) e França (3, -1) trocaram de lugar.


A Argentina (6, +2) colheu os benefícios de uma campanha triunfante da Copa América, enquanto os dois finalistas da Copa Ouro entraram no top 10. Vitorioso naquele torneio e vencedores da Liga das Nações da Concacaf também, Estados Unidos (10, +10) subiu nada menos que dez lugares, oito a mais que o México (9, +2), que, apesar de perder na final de ambas as competições, agora está uma posição acima de seus rivais continentais.


Além disso, é importante notar o progresso impressionante feito pelos convidados da Gold Cup Qatar (42, +16), que chegaram às semifinais nos EUA, registrando assim a maior subida do mês e igualando a sua melhor posição de sempre no ranking, que data da primeira edição, em 1993.


Um punhado de outras equipes que não participaram de torneios regionais, como Serra Leoa (106, +8), Suazilândia (146, +8), Porto Rico (171, +7) e Mongólia (185, +7), ainda conseguiu ganhar terreno graças a resultados amigáveis ​​positivos.


O próximo Ranking Mundial Masculino da FIFA / Coca-Cola será publicado em 16 de setembro de 2021.

Líder: Bélgica (inalterado)

Passa para o top 10: México (9, +2), EUA (10, +10)

Sai do top 10: Dinamarca (11, -1), Uruguai (13, -4)

Total de partidas jogadas: 348

Mais partidas jogadas: México (12 jogos)

Maior movimento por pontos: Itália (+102,61 pontos)

Maior movimento por classificação: Catar (+16 classificações)

Maior queda por pontos: Granada (-43,54 pontos)

Maior queda por classificação: Tailândia (-14 classificações)

Equipes recém-classificadas: Nenhum

Equipes que não estão mais classificadas: Nenhum

Equipes inativas, não classificadas: Ilhas Cook

9 views0 comments

Recent Posts

See All