• Redação

DESTAQUE DO FINAL DE SEMANA

Veja aqui os destaque que os nossos colunistas viram no final de semana.


FRESSATO, PENETRA NAS FESTAS DOS CAMPEÕES!!!


ELES SÃO OS CAMPEÕES!

Estão encerrados dois dos nossos campeonatos mais apaixonantes, vibrantes do nosso Brasilzão. As séries B e C tiveram suas últimas rodadas nesse final de semana e duas torcidas estão fazendo muita festa comemorando...

“VAMO, VAMO CHAPEEEEE”

A taça da série B foi para o sul. A Chapecoense recebeu o Confiança pela última rodada e disputando com o América, o topo da tabela do campeonato. A equipe catarinense fez 3 x 1 em seu jogo com o gol do título aos 51 minutos do segundo tempo, enquanto os mineiros venceram o Avaí por 2 x 1 deixando a diferença de saldo em 1 gol (21 a 20). A constância foi a chave da conquista, com 73 pontos que representam um aproveitamento de 64%, 42 gols marcados e apenas 21 sofridos (melhor defesa do campeonato e da era dos pontos corridos).


É o primeiro título nacional da Chapecoense. Umberto Louzer, o técnico campeão, chega ao terceiro título em 3 anos de carreira: Paulistão A2 pelo Guarani (2018), Catarinense (2020) foram os outros títulos.

“TRÊS SÉRIES C, O TIGRÃO É TRICAMPEÃO”

E a taça da série C foi para o centro-oeste. A última batalha da terceira divisão teve como palco o Mangueirão, em Belém. A primeira partida já tinha dado confortável vantagem para o Vila Nova, mas repetindo a grande atuação, venceu novamente o Remo por 3 a 2 e consagrou-se o primeiro tricampeão da série C, deixando para atrás os rivais do Atlético Goianiense com 2 títulos e todos os demais campeões que detém apenas 1 título cada. Ao todo na competição, o Colorado goiano fez 34 e sofreu 21 gols, o aproveitamento foi de 68% dos pontos disputados.


GUI RIBEIRO...SEMPRE NOS ÚLTIMOS SEGUNDOS

Cinco segundos para Damian Lillard e Kemba Walker

Blazers estavam a 5 pontos do Bulls, quando, faltando somente 10 segundos para acabar a partida, a estrela de Lillard do Blazers brilhou. Em menos 10 segundos ele marcou 6 pontos, virando assim o jogo para os Blazers, que venceu por 123 a 122. Aliás, ele arremessou totalmente desequilibrado a última cesta de 3 pontos.

No clássico dos maiores campeões da NBA, o jogo foi decidido também no estouro do cronômetro para o time de LA. Graças ao Kemba, que teve a chance de liquidar o jogo faltando 5 segundos. Ao contrário de nosso último personagem, Kemba desperdiçou a última bola. Sendo assim o jogo ficou 96 a 97 para o Lakers.

Parabéns, Napoli pela sua conquista!

Hoje tivemos a partida de volta da Final do Brasileirão série A2 Feminino.


O jogo do título do Napoli já se iniciou nos primeiros minutos com Aninha, que balançou as redes do time da casa, aumentando assim a vantagem que havia conquistado no jogo de ida. Botafogo chegou ao empate com Pepê, que acabou botando fogo na partida, mas, aos 38 minutos, Soraya deixou novamente as visitantes à frente no placar. O Napoli, após o gol, seguiu firme aguentando a pressão adversário e, com a vitória por 2x1, garantiu o título levando o para Santa Catarina.


Subiram também para a série A1 o Bahia, Real Brasília e as finalistas. Para os lugares de Iranduba, Audax-SP, Ponte Preta e Vitória.


LIMA, SEM DORMIR PARA NÃO PERDER NADA

Feito inédito e dois marcos na história das 24 horas de Daytona

Não deu para ninguém. A Wayne Taylor Racing venceu pela terceira vez seguida as 24hrs de Daytona pela IMSA. A equipe formada pelo Hélio Castroneves, Ricky Taylor, Filipe Albuquerque e Alexander Rossi tomou a liderança ainda na 11ª hora e perdeu a mesma nas paradas de boxes, pois sempre voltava para a primeira colocação com o seu Acura DPi


Detalhe para os dois feitos importantes: a equipe Wayne Taylor Racing faz um feito inédito na história de atingir três vitória seguidas e o Castroneves se junta a um hall de pilotos brasileiros vencedores desta prova importantíssima do automobilismo, igualando-se a Raul Boesel, Christian Fittipaldi, Tony Kanaan, Oswaldo Negri e Pipo Derani.


Os outros quatro brasileiros que participaram da etapa não tiveram tanta sorte. Pipo Derani e Felipe Nasr tiveram uma quebra de câmbio no Cadillac DPi da Action Express na 19ª hora. Na GT Daytona, Daniel Serra e Marcos Gomes abandonaram a prova.


Os vencedores nas demais classes foram:


● LMP2 -Tower Motorsport com os John Farano, Gabriel Aubry, Matthieu Vaxiviére e Timothe Buret.

● LMP3 - Riley Motorsport com os Spencer Pigot, Oliver Askew, Scott Andrews e Gar Robinson.

● GT Le Mans - Corvette com os pilotos Jordan Taylor, Antonio García e Nicky Catsburg


Próxima etapa da IMSA será em 13 de março nas 12 horas de Sebring.


WENDELL...WENDELL... E BRASILEIRÃO

Repeteco espanhol

Da Europa ao Brasil, na Espanha tivemos a reedição da final da Supercopa, Barcelona e Athletic Bilbao se enfrentaram pelo campeonato espanhol e mais uma vez fizeram um grande jogo. Lionel Messi abriu o placar para o Barça, que dominou o primeiro tempo, mas no segundo tempo o Athletic voltou melhor e empatou logo no começo com De Marcos. Os bascos até ensaiaram uma virada, mas quem marcou foi o Barça. Griezmann marcou e decretou vitória do Barcelona no Camp Nou.

Brasileirão na sua reta final

Já no Brasileirão, jogo dos desesperados no Rio de Janeiro, Vasco x Bahia duelaram na luta contra o rebaixamento, em jogo morno no primeiro tempo. O clima esquentou no segundo, assim como o tempo no Rio de Janeiro. Catatau marcou para o Vasco após cruzamento de Benitez, porém na jogada Leandro Castan, capitão vascaíno, se chocou com o goleiro Douglas do Bahia. O zagueiro do Vasco foi com o pé no rosto do arqueiro tricolor, o lance foi revisado pelo VAR, o gol foi anulado e Castan foi expulso. A partir daí sem emoções no jogo final 0x0.


Terminou janeiro e o São Paulo não ganhou no Brasileiro. O tricolor paulista perdeu mais uma no campeonato desta vez para o Atlético Goianiense. O time de Fernando Diniz não sabe o que é vitória após a virada de ano, o time perdeu a liderança e agora já é o 4 colocado no Brasileirão.


CORAZZA, VENDO O MEXICANOS COM ASAS!!!

Pérez otimista

O mexicano e novo piloto da Red Bull considera uma boa vantagem para sua adaptação ao novo carro a pré-temporada ter sido alterada de Barcelona para o Bahrein.


"Acho que não é uma coisa ruim, especialmente considerando o quão frio pode estar na Europa nessa época. Acho que é uma boa referência", disse o mexicano.

Além de ser o mesmo local do GP inaugural da temporada, a redução de dias de pré-temporada fará com que Perez tenha apenas um dia e meio de trabalho na pista.


“Vai me ajudar um pouco mais, porque faremos o teste e depois faremos a corrida lá. Não acho que vai mudar muito, mas é um processo de adaptação que provavelmente pode ser um pouco mais fácil ", disse Pérez.

Recent Posts

See All
Cópia de Navegação Blog Banner (7).png

ESTANTE DO ESPORTE

  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter

© 2021 Equipe do Estante do Esporte

Newsletter

  • Preto Ícone YouTube
  • Instagram