• Redação

Di Grassi bate a mais de 15g, mas ainda assim amplia recorde de pódios na F-E

Piloto foi envolvido em acidente múltiplo causado pela forte chuva em Nova Iorque

O brasileiro Lucas Di Grassi foi uma das principais atrações da 11ª etapa do Mundial de Fórmula E, disputada neste sábado em Nova Iorque. Logo na largada, saindo de terceiro, o piloto da equipe Rokit Venturi Racing pulou para o segundo lugar e passou a disputar a ponta com o neozelandês Nick Cassidy, o belga Stoffel Vandoorne e o suíço Sebastién Buemi. Depois de uma batalha intensa, que incluiu um forte acidente múltiplo causado pela aquaplanagem de vários carros, Di Grassi terminou no segundo posto, conquistando seu 37º pódio na categoria e ampliando o recorde, que já era seu. A vitória foi de Cassidy, que subiu pela primeira vez ao topo do pódio.

Na 28ª volta, faltando dez minutos para o final da prova, uma chuva intensa começou a cair no traçado montado nas ruas da capital financeira dos Estados Unidos, reduzindo bastante a visibilidade dos pilotos. No rádio, Di Grassi chegou a avisar a equipe que não havia condições seguras na pista. Mas a prova continuou e, na 30ª volta, os três líderes – Cassidy, Di Grassi e Vandoorne – aquaplanaram na entrada da Curva 6, chocando-se com a barreira de proteção. *Carro destruído –* “Foi a batida mais forte da minha carreira na F-E, a desaceleração passou facilmente dos 15G”, resumiu o brasileiro. “Felizmente, ninguém se machucou mais seriamente. Eu estou todo dolorido, certamente com algum hematoma, e o nosso carro ficou em pedaços. Não havia condições de corrida na pista com tanta água empoçada”, definiu o piloto da Rokit Venturi.

Simultaneamente, as condições da pista causaram outro acidente múltiplo e batidas em pontos da pista, que levaram a direção de provas a interromper e, a seguir, encerrar a competição. Com o resultado Di Grassi soma 84 pontos na sexta posição do campeonato. O vencedor Nick Cassidy está em 12º, com 44. A liderança é do suíço Edoardo Mortara, que chegou em quinto e passou a somar 150 pontos.

Neste domingo, a Fórmula E volta às ruas de Nova Iorque para a realização da 12ª etapa, com largada às 14h (de Brasília) e transmissão da TV Cultura e SporTV. A prova terá 45 minutos + uma volta. Antes, a partir das 9h40, os pilotos disputam a pole position.

0 views0 comments