• Glênio Heleno Honorato

EM UM JOGAÇO, ESPANHA ULTRAPASSA MALDIÇÃO DAS OITAVAS DE FINAIS

APESAR DE ERRO BIZARRO DO SEU GOLEIRO, ESPANHA VENCE.


CROACIA 3 X 5 ESPANHA

Com Morata decisivo, Espanha avança para a próxima fase. (Foto: Divulgação/UEFA)

Em um jogo emocionante com placares alternados e falhas de goleiro e defensores, a Espanha venceu a Croácia em um dos jogos que ficará marcado na história da Euro.


Em uma partida que começou dominada pela Espanha, a Croácia ganhou um gol de presente, após uma lambança entre Pedri e Unai, onde o meia da Espanha recuou uma bola para o seu goleiro que não conseguiu dominar a bola e acabou entrando. Após o gol, a Croácia cresceu no jogo e se sentiu que poderia ampliar mais o placar aproveitando o golpe de um gol contra.


Mas a Espanha é perigosa e ardilosa, e em uma bela jogada achou Sarabia livre na área após um chute do lateral Gayà defendido pelo goleiro da Croácia, Sarabia colocou a bola na rede. Álvaro Morata ainda perdeu uma boa oportunidade após uma finalização de pé direito, assim acabou o primeiro tempo.

Unai Simón cometeu uma falha daquelas. (Foto: Divulgação/UEFA)

No segundo tempo a Espanha voltou com pressão alta, Azpilicueta de cabeça marcou o segundo gol da Espanha após bela assistência de Sarabia. E chega ao terceiro gol com Ferran Torres, com uma finalização de pé esquerdo do meio da área com assistência de Pau Torres.


A Croácia teve que ir pra cima, e conseguiu diminuir com Orsic, em boa jogada de Modric que cruzou rasteiro pra área, e encontrou Orsic. E já nos acréscimos da partida Pasalic de cabeça do meio da área, em belo cruzamento de Orsic, empata o jogo dramático.


O Jogo vai para a prorrogação, ai apareceu um tal de Dani Olmo, que com duas excelentes assistências colocou primeiro Álvaro Morata que de pé esquerdo fuzilou pro gol e marcou, e depois colocou Mikel Oyarzabal, também na cara do gol que deu números finais a esse jogaço.


Melhor da Partida: Sergi Busquets (Espanha)


CURIOSIDADES DA PARTIDA

  • Apenas o primeiro jogo da história do EURO - França 4-5 Iugoslávia nas meias-finais de 1960 - teve mais golos do que este.

  • A Espanha é a primeira equipa a marcar cinco golos em jogos consecutivos do EURO.

  • Com 18 anos e 215 dias, Pedri tornou-se no jogador mais jovem de sempre a iniciar um jogo da fase a eliminar no EURO.

  • O golo de estreia de Azpilicueta pela Espanha chega no seu jogo 27 pela La Roja.

  • Este é o primeiro jogo da da Espanha na fase a eliminar no EURO em que ambas as equipas marcaram desde a derrota da "La Roja" por 2-1 com a França nos quartos-de-final de 2000.

  • O auto-golo de Pedri foi o nono no EURO 2020.

Escalações:

Croácia: Livaković; Juranović (Brekalo 74), Vida, Ćaleta-Car, Gvardiol; Modrić, Brozović, Kovačić (Budimir 79); Vlašić (Pašalić 79), Petković (Kramarić 46), Rebić (Oršić 67)


Espanha: Unai Simón; Azpilicueta, Eric García (Pau Torres 71), Laporte, Gayà (Jordi Alba 77); Koke (Fabián Ruiz 77), Busquets, Pedri; Ferran Torres (Oyarzabal 88), Morata, Sarabia (Olmo 71)

Elenco espanhol comemora a classificação suada. (Foto: Divulgação/UEFA)

PRÓXIMO COMPROMISSO

Espanha x Suíça em São Petersburg, Sexta, 2 de julho

12 views0 comments