• Fernando Lima

FIM DE SEMANA SOFRIDO

Piloto ORT é forçado a se retirar da final em Sarno com problema no kart #111

Rafael Câmara teve seu primeiro dissabor do ano em uma temporada que se desenhava perfeita até aqui. O piloto da Oak Racing Team (ORT) foi forçado a abandonar a final da terceira etapa do Campeonato Europeu de Kart, em Sarno. Como consequência, perdeu a liderança do campeonato, caindo para terceiro lugar a uma etapa da decisão do título. O pernambucano de 16 anos de idade tem 65 pontos e agora está a 12 do primeiro colocado.


O desfecho do Europeu será em duas semanas, na pista espanhola de Zuera. Todos os cinco primeiros da classificação têm chances matemáticas de título. Mas, na prática, o que se anuncia é uma briga doméstica dentro da equipe Kart Republic. O regulamento prevê descartes dos dois piores resultados e, aplicada essa regra, Rafa está empatado com o britânico Arvid Lindblad (integrante do programa de desenvolvimento da Red Bull) e ambos a apenas sete pontos do italiano Andrea Kimi Antonelli (membro do “junior program” da Mercedes).


A jornada em Sarno foi atribulada desde o quali para o vice-campeão mundial de 2019. Câmara ficou com o 16º tempo no ranking de 62 competidores da classe OK.


Nas quatro eliminatórias, o piloto ORT fez P4, P5, P7 e P4 – o que rendeu o oitavo lugar no grid para a final.

Na prova decisiva, que precisou de duas tentativas de largada, o pernambucano chegou a avançar duas posições no início. Mas em questão de meia volta começou a perder rendimento até que foi forçado a recolher o kart #11 para box no fim da sexta das 20 voltas de prova.


O pódio da etapa foi composto por Antonelli, pelo búlgaro Nikola Tsolov e Lindblad, nesta ordem.


A decisão do Europeu de Kart entre os dias 22 e 25 de julho em Zuera é o penúltimo grande evento do calendário do piloto ORT no kartismo internacional nesta temporada. Depois ele voltará sua preparação para o Campeonato Mundial de Kart, que foi adiado de outubro para os dias 2 a 5 de dezembro em Birigui, no interior de SP. Será a primeira vez na história que o principal evento do planeta acontece em solo brasileiro, na mesma pista onde em dezembro de 2020 Rafa Câmara estreou como integrante da ORT e conquistou seu bicampeonato brasileiro.


O QUE ELE DISSE:

“Foi uma etapa difícil, em que lutamos muito para achar o melhor acerto e não conseguimos. Na última eliminatória ainda tive o azar de uma pedra furar o radiador, mas deu para seguir até a bandeirada. Já na final não tivemos rendimento em momento nenhum e o equipamento foi se deteriorando durante a corrida. Lutei muito para tentar segurar o kart nas curvas e ao mesmo tempo brigar para defender alguns pontos para o campeonato, mas infelizmente não foi possível e tivemos que abandonar. Vamos entender direito o que aconteceu aqui e trabalhar em dobro para voltar mais fortes para a decisão do título em Zuera.”

Rafael Câmara


EUROPEU DE KART – CLASSFICAÇÃO (TOP5)

· Andrea Kimi Antonelli (ITA) 77 pontos

· Arvid Lindblad (GBR) 71

· Rafa Câmara (BRA) 65

· Artem Severiukhin (RUS) 51

· Nikola Tsolov (BUL) 46

5 views0 comments