• Gui Ribeiro

IT'S COMING TO ROME

EM PARTIDA ELETRIZANTE, ITÁLIA VENCE A ESPANHA NOS PÊNALTIS E ESTÁ NA FINAL DA EURO 2020.


ITÁLIA X ESPANHA

A Itália está novamente na final da EURO. (Foto: Divulgação/UEFA)

Jogando o melhor futebol até aqui da Euro, a Itália foi até Wembley para enfrentar a Espanha pela semifinal, que vinha desgastada já que precisou de duas prorrogações para se classificar contra a Croácia e a Suíça.


A partida foi muito equilibrada, com ambos os times querendo a vaga para a final. Aliás, com leve vantagem para a “Squadra Azzurra”, o que a Itália mais explorou foram as saídas do gol de Unaí Simón, que os italianos acabaram não aproveitando.


No segundo tempo seguimos com equilíbrio, e um jogador específico queria jogo: Federico Chiesa, talismã da Juventus na campanha da última Champions League, voltou do intervalo para resolver. O ponta tentou uma bola pela direita, que parou em Unaí Simón. Dois minutos depois, após boa saída de bola com Donnarumma que com quatro toques chegou em Immobile, que perdeu a bola sobrando para Chiesa, que avançou puxou para a perna direita para fazer um golaço de chapa no canto direito.

Morata mais uma vez deixou a sua marca na EURO. (Foto: Divulgação/UEFA)

Com o gol, a Itália se fechou apostando nos contra-ataques com Chiesa, porém foi o famoso convite ao prazer espanhol. Recuada, a Itália viu os espanhóis gostarem do jogo e até chegarem ao empate com Morata, após tabela com Dani Olmo invadiu a área e deslocou Donnarumma para empatar o jogo.


Com o jogo em 1x1 fomos para a prorrogação, e parecia que Espanha estava mais pronta, mais descansada, sendo um bombardeio contra a meta Italiana.


Quase!


No início da prorrogação, Berardi foi as redes, porém o bandeira marcou o impedimento. Este foi o único lance do segundo tempo da prorrogação.


OS PÊNALTIS:

Mais uma vez a Espanha decide a sua vida nas penalidades, será que mais uma vez Simón seria o paredão que foi contra a Suíça? Não é que ele começou pegando! Sim, Locatelli foi para a bola telegrafando o canto que bateria, e nele estava Simón, fazendo alegria dos espanhóis, que começariam bem as cobranças.


Porém, Dani Olmo jogou na lua a sua cobrança. Dando continuidade, todos os jogadores seguintes foram convertendo: Bernadeschi, Thiago Alcântara, Bonucci, Gerard Moreno e Belotti.

Donnarumma pegou o pênalti de Morata. (Foto: Divulgação/UEFA)

Até chegamos no herói que levou os espanhóis para a prorrogação, mas como todos nós sabemos é que o jogador que faz o gol no tempo normal, sempre perde o pênalti. Foi o que aconteceu com Morata que bateu tão mal quanto Locatelli.


Para a última bola foi Jorginho, que se fizesse levaria a Itália de volta a uma final de Eurocopa. Com todo o peso de uma nação sobre os seus ombros, bateu tão bem que nem parecia que estava jogando em um Wembley lotado! Forza Azzurra! Forza Jorginho! E Itália classificada.

Jorginho foi o responsável pela cobrança final. (Foto: Divulgação/UEFA)

Resultado no Estádio de Wembley: Itália 1 X 1 Espanha (pênaltis Itália 4 X 2 Espanha)


Com a vitória a Itália aguarda o vencedor entre Inglaterra x Dinamarca que acontecerá nesta quinta (07).


Jogador da partida: Federico Chiesa (Itália)


Escalações:

Itália: Donnarumma, Di Lorenzo, Bonucci, Chiellini, Emerson Palmieri; Jorginho, Verratti, Barella; Chiesa, Insigne e Immobile.

(Entraram: Locatelli, Belotti, Berardi, Pessina, Bernardeschi e Toloi)


Espanha: Unaí Simon, Azpilicueta, Eric García, Laporte, Jordi Alba; Busquets, Koke, Pedri; Ferran Torres, Oyarzabal e Olmo.

(Entraram: Pau Torres, Llorente, Morata, Gerard Moreno, Thiago e Rodri)





4 views0 comments

Recent Posts

See All