• Redação

OS Alemães saem na frente pela Europa League

Veja o resumo das duas partidas pelas semifinais da competição...


Leipzig 1-0 Rangers: Angeliño decide à beira do fim

Angeliño marcou a cinco minutos do fim para finalmente quebrar a resistência do Rangers num jogo muito equilibrado.


Um voleio tardio de Angeliño viu o Leipzig dominante finalmente romper para vencer um time teimoso do Rangers.


Momentos-chave

48': Kent fica a centímetros do golo

53': McGregor defende remate de Nkunku

69': Nkunku falha ocasião flagrante

85': Angeliño marca com remate à meia-volta


Jogo em poucas palavras: Angeliño dá magra vantagem

O Leipzig teve mais posse de bola na primeira parte, mas o melhor que conseguiu foi uma ocasião de Christopher Nkunku, que não conseguiu acertar no alvo.


As coisas melhoraram após o intervalo e Ryan Kent deu o primeiro sinal, com um remate que passou perto da baliza, antes do remate colocado de Nkunku que Allan McGregor deteve.

Depois, Nkunku desperdiçou uma ocasião flagrante, rompendo por entre a defesa escocesa, contornando McGregor, mas depois atirando muito por cima perante a baliza vazia.


E quando parecia que o nulo seria o resultado final, o marcador foi inaugurado quando, na sequência do único canto a favor do Leipzig, a bola foi afastada na direção de Angeliño e o espanhol desferiu um remate portentoso sem hipóteses para McGregor.

Estatísticas-chave

  • Leipzig perdeu apenas dois dos 11 jogos na fase a eliminar da UEFA Europa League (6V 3E).

  • Leipzig encerrou uma série de três empates caseiros seguidos nas competições europeias.

  • Rangers não conseguiu marcar apenas pelo sétimo jogo em todas as competições esta época – cinco deles foram nas provas da UEFA.

  • Rangers venceu apenas um dos nove jogos fora nas competições europeias 2021/22 (E3 D5)

  • Rangers venceu apenas um dos seus últimos quatro jogos fora em meias-finais europeias.


West Ham 1-2 Frankfurt: Alemães ganham ligeira vantagem em Londres

Ansgar Knauff e Daichi Kamada marcaram no início de cada parte e o Eintracht vai regressar a Frankfurt com uma vantagem mínima para a segunda mão nas semifinais.

O Frankfurt vai entrar em campo com uma ligeira vantagem na Alemanha na segunda mão das semifinais da UEFA Europa League, frente ao West Ham, após uma vitória por 2-1 em Londres..


Momentos-chave

1': Knauff marca de cabeça após cruzamento de Borré

14': Bowen remata ao poste

21': Antonio empata para os Hammers

54': Kamada recoloca Frankfurt na frente

78': Kamada acerta no poste

90+2': Remate de bicicleta roça na trave


O jogo em poucas palavras: headline

Esperava-se um jogo emotivo entre duas equipas de ataque, mas talvez ninguém esperasse ver o marcador mexer logo aos 51 segundos, com Ansgar Knauff a cabecear após cruzamento de Rafael Borré para silenciar os adeptos da casa. No entanto, o West Ham reagiu bem e quase empatou quando Jarrod Bowen irrompeu pelo meio e rematou ao poste.

O gol do empate, contudo, não tardou e chegou aos 21 minutos, na sequência de uma bola parada, com Kurt Zouma a tocar de cabeça para Michail Antonio, que atirou a contar. O Frankfurt podia, depois, ter restaurando a vantagem ainda antes do intervalo, por Knauff, isolado, e marcou mesmo a abrir a segunda parte. Daichi Kamada fez o 1-2 na recarga a uma defesa incompleta de Alphonse Areola a remate de Djibril Sow, aos 54 minutos.


O internacional japonês ainda acertou no poste perto do fim e o West Ham também acertou nos ferros por duas vezes até ao apito final, uma delas num espetacular pontapé de bicicleta de Bowen, mas o resultado não sofreu mais alterações.

10 views0 comments