• Gui Ribeiro

PARA A HISTÓRIA!!

EM PARTIDA ÉPICA, SOMMER PEGA O PÊNALTI DECISIVO DE MBAPPÉ E CLASSIFICA A SUÍÇA


FRANÇA X SUÍÇA

Na partida disputada em Bucareste, o que não faltou foi emoção, no que para muitos foi a melhor partida desta Eurocopa.


A Suíça saiu na frente com o centroavante do Benfica Seferovic de cabeça, após cruzamento de Zubar. O que ninguém imaginava que dali começaria uma chuva de gols. A Suíça ainda chegou a perder um pênalti com o Ricardo Rodríguez, e isso deu sobrevida à França.


Na segunda etapa, os Suíços não aguentaram a pressão do ataque adversário, com Benzema marcando duas vezes e Pogba com um golaço, digno de se pagar o ingresso e voltar para o estádio. Naquela altura o jogo estava com 30 minutos do segundo tempo, e muitos acreditando no que seria uma virada heróica, a redenção de Benzema, e a coroação de uma geração que repetiria aquela que foi a melhor França de Zidane, Thuram, Henry e companhia, que faturou em sequência a Copa do Mundo e a Eurocopa.

Pogba marcou um lindo gol na segunda etapa. (Foto: Divulgação/UEFA)

Porém os Deuses do futebol, gostam de brincar com a emoção alheia. E, 6 minutos depois, Seferovic novamente foi para as redes, parecia que o jogo se encaminhava para um vitória francesa, só que aos 90 minutos, Gravanovic, aproveitou a bola que sobrou na grande área para empatar o jogo, levando os Suíços a loucura no Estádio. Um 3x3 heróico que levaria para a prorrogação, mas antes do juiz apitar o fim do jogo, Comam acertou uma bola no travessão.


A Suíça, chegou gigante na prorrogação, depois de um empate épico, porém na prorrogação, a França dominou, com Sommer sendo disparado o melhor jogador da prorrogação inteira. Foi então que fomos para os pênaltis.


Na sequência tivemos: Gravanovic abriu batendo o primeiro pênalti, Pogba empatou, Schar fez o segundo para Suíça, Giroud novamente empatou, Akanji fez de novo, Thuram empatou de novo; até que o Vargas foi para a bola e quase Lloris pegou, 4x3 para a Suíça, Kimpembe empatou, Mehmedi colocou novamente a sua na frente do marcador 5X4.


Geralmente deixamos o último pênalti com o craque do time, aquele que quando o time mais precisa, está lá para garantir a vitória, para bola partiu Mbappé, bateu, Sommer defendeu, voou para o canto direito para pegar o pênalti, só que como aquele último suspirou, o VAR chamou, podendo haver alguma irregularidade no lance, só que tudo normal e a Suíça se garantiu nas quartas de final. Desde 1938 a Suíça não chega a uma quartas de final de alguma competição. Que momento da Suíça!


Jogador da partida: Granit Xhaka (Suíça)


Escalações:

França: Lloris, Lenglet (Coman) (Marcus Thuram), Kimpembe, Pavard, Pogba, Kanté, Griezmann (Sissoko), Rabiot, Benzema (Giroud) e Mbappé


Suíça: Sommer, Elvedi, Akanji, Ricardo Rodríguez (mehmedi), Wimer (Mbabu), Freuler, Xhaka, Shaqri (Gravanovic), Zuber Fassnacht, Seferovic (Schar) e Embolo (Vargas)


Sommer foi o grande herói da partida. (Foto: Divulgação/UEFA)

Resultado na Arena Nacional de Bucareste: França 3X3 Suíça (nos pênaltis França 4X5 Suíça)


Agora a Suíça enfrenta a Espanha em São Petersburgo na Rússia na próxima sexta (02).

18 views0 comments