• Redação

Pedro Aguiar assume a liderança no fim após a 1ª corrida


Caio Castro crava pole, é punido, larga em décimo e vence movimentada prova da Sprint Challenge

Diz a lenda que pistas icônicas como Le Mans e Indianápolis escolhem seus vencedores. O mesmo pode ser dito para Interlagos com as vitórias de Pedro Aguiar e Caio Castro nas provas de abertura da etapa 3 da Porsche Cup C6 Bank Mastercard.

Depois de passar a prova toda em segundo lugar atrás de um dominante Christian Hahn, Aguiar assumiu a liderança graças a perda de rendimento do concorrente no contorno da curva do Café. O piloto do Porsche #20 liderou apenas alguns metros, mas foi suficiente para escrever seu nome como o quinto vencedor diferente da Carrera Cup em cinco corridas de 2022.


Caio Castro teve jornada igualmente emocionante. Dominante no quali, cravando a pole no Q2 com expressiva margem de 0.814s sobre o segundo colocado, ele acabou punido com a perda de sua melhor volta após protesto de outro piloto e removido para décimo lugar no grid. Cerebral, o piloto do carro #22 teve agressividade para escalar o pelotão quando necessário, soube se posicionar para evitar os diversos enroscos no top5 e venceu com autoridade. Foi seu segundo triunfo com os carros de corrida mais produzidos no planeta (ambos em Interlagos) e sua primeira vitória da temporada.


2022 aliás registra um recorde de alternância entre os protagonistas da Porsche Cup C6 Bank Mastercard. Considerando as tomadas de tempo e as corridas da Carrera Cup e da Sprint Challenge, foram realizados seis treinos classificatórios e dez corridas, para seis pole-positions e dez vencedores diferentes.


Após as provas de sábado, Marçal Muller conserva a liderança no campeonato da Carrera Cup, assim como Raijan Mascarello na Sprint Challenge.


As corridas


Carrera Cup

A largada aconteceu sob regime de safety-car, com os cinco primeiros conservando a ordem definida no quali: Hahn, Pedro Aguiar, Muller, Paludo e Feldmann.

Na primeira volta em bandeira verde, Enzo Elias saltou de 11º para nono, passando Leo Sanchez e Nelson Monteiro. Leo também superou Monteiro na entrada da reta, mas os carros depois se tocaram na freada do S do Senna e ambos deixaram a pista.


Na volta 4 Enzo já vinha em sétimo. Outro grande escalador nos giros iniciais era Werner Neugebauer, com avanço de seis posições em quatro voltas.


Em oitavo, Rouman Ziemkiewicz liderava na classe Sport. Uma posição atrás, Lineu Pires era o melhor entre os Rookies.

Na abertura da volta 9, Hahn vinha com respeitável vantagem de 2.6s sobre Aguiar. Já seu pai, Marcelo, era protagonista do melhor pega da corrida. Disputa pela décima posição envolvia João Barbosa, Rodrigo Mello, Franco Giaffone, Marcelo e Chico Horta. Foram seguidas trocas de posição, até que os dois últimos tiveram contato no fim da reta Oposta.


Nas voltas finais a batalha mais relevante foi entre Renan Pizii e Enzo Elias, pelo sexto lugar. O jovem piloto de Brasília atacou em três pontos distintos do traçado de Interlagos. Pizii chegou a colocar roda na grama e mesmo assim neutralizou as investidas. Na volta final porém Elias se lançou por dentro na freada do S do Senna e achou o espaço necessário para concretizar a manobra.


Depois de liderar com folga, Hahn perdeu rendimento na volta final, permitindo a chegada de Aguiar, Muller e Paludo. Na subida do Café o #26 ficou mais lento. Aguiar então passou, para ser o quinto vencedor em cinco corridas da Carrera Cup. Muller e Paludo também passaram o #26, que terminou em quarto. Feldmann completou o pódio.


Em oitavo, Rouman Ziemkiewicz venceu na Sport. Em décimo, Pires levou a melhor na Rookie.

Com o sorteio de inversão de grid após a cerimônia de pódio, Enzo Elias, sexto colocado no sábado, larga na pole domingo. Aguiar parte em sexto.


Sprint Challenge

O pole Marcelo Tomasoni segurou a posição na largada e sofreu forte assédio de Nelson Marcondes nas voltas iniciais. Daniel Correa, Raijan Mascarello e Ricardo Fontanari completavam o top5.

Punido com a perda da melhor volta no quali depois de conquistar a pole, Caio Castro largou em décimo e já aparecia em sétimo na volta 3. Em nono, Guilherme Bottura liderava na Sport, uma posição à frente de SangHo Kim, o líder na Rookie.


Na volta 4 Correa avançou para segundo, enquanto Fontanari passou Raijan e Marcondes. Tomasoni agradeceu e abriu distância na ponta.


Na abertura da volta 7, Fontanari mergulhou por dentro de Correa na freada do S do Senna, deixando Correa à mercê de ataque de Marcondes.


O safety-car foi acionado após os carros de Miguel Mariotti e Junior Dinardi fazerem contato e ficarem parados numa área de escape. Como conseguiram retornar por conta própria, a neutralização durou apenas duas voltas.


Os carros se organizavam para a relargada na volta 9, quando Fontanari destracionou na Junção e acabou tocando o carro de Daniel Correa quando buscava a aceleração. Nelson Marcondes também deixou a pista em manobra evasiva. Imediatamente o safety-car foi lançado outra vez, com o pelotão dos cinco primeiros, composto por Tomasoni, Fontanari, Castro, Raijan e Cristian Mohr.


Na relargada Urubatan passou Mohr, Fontanari fez contato com Tomasoni e os dois perderam posições. Caio Castro herdou a liderança.


Na volta seguinte Urubatan Jr atacou pela ponta, mas Castro aplicou o X para se defender. Mascarello era terceiro, Mohr quarto e Ayman Darwich quinto.

Na última passagem, Vina Neves conseguiu a última posição de pódio superando o egípcio. Os quatro primeiros degraus do pódio ficaram com Caio Castro, Urubatan Jr, Raijan e Mohr.


Em sétimo, Guilherme Bottura ganhou a classe Sport. Em 12º, Gustavo Zanon venceu na Rookie.

Para domingo a inversão do grid será de oito posições, com pole para Josimar Junior.


Porsche Cup C6 Bank Mastercard – Etapa 3 – Corridas 1:

Carrera Cup

1. #20 Pedro Aguiar 26:45.253

2. #544 Marçal Muller +0.256

3. #7 Miguel Paludo +2.654

4. #26 Christian Hahn +3.621

5. #1 Alceu Feldmann +3.926

6. #73 Enzo Elias +5.352

7. #16 Renan Pizii +6.220

8. #80 Rouman Ziemkiewicz* +15.454

9. #8 Werner Neugebauer +16.775

10. #888 Lineu Pires** +23.808

11. #29 Rodrigo Mello +23.905

12. #3 Franco Giaffone* +27.933

13. #116 Marcelo Hahn* +34.953

14. #88 Georgios Frangulis* +35.119

15. #70 Lucas Salles* +35.718

16. #33 Bruno Campos** +42.378

17. #121 João Barbosa** +44.786

18. #9 Edu Guedes** +45.001

19. #87 Nelson Monteiro** +48.538

20. #85 Eduardo Menossi* +52.377

21. #77 Francisco Horta* +52.583

22. #25 Paulo Sousa** +58.017

23. #44 Gustavo Farah** +58.775

24. #17 Leonardo Sanchez** +1:00.729

*Sport

**Rookie


Sprint Challenge

1. #22 Caio Castro 28:13.971

2. #1 Urubatan Junior +0.575

3. #80 Raijan Mascarello +1.763

4. #3 Cristian Mohr +5.717

5. #20 Vina Neves +7.410

6. #555 Ayman Darwich +7.508

7. #117 Guilherme Bottura* +8.294

8. #77 Josimar Junior* +8.558

9. #58 Claudio Simão* +12.543

10. #55 Ramon Alcaraz* +15.317

11. #199 Nelson Marcondes +15.742

12. #33 Gustavo Zanon** +16.756

13. #99 Nasser Aboultaif** +17.945

14. #17 Ricardo Fontanari +27.629

15. #71 SangHo Kim** -2 voltas

16. #21 Miguel Mariotti* -2 voltas

17. #14 Andre Gaidzinski* -3 voltas

18. #5 Marcelo Tomasoni -4 voltas

19. #7 Piero Cifali** -4 voltas

DNF

#69 Daniel Correa +1.156

#002 Junior Dinardi** +3.683

*Sport

**Rookie


Carrera Cup

1. #544 Marçal Muller, 92 pontos

2. #26 Christian Hahn, 84

3. #1 Alceu Feldmann, 80

4. #7 Miguel Paludo, 72

5. #20 Pedro Aguiar, 66

6. #73 Enzo Elias, 62

7. #16 Renan Pizii, 48

8. #70 Lucas Salles, 41

9. #3 Franco Giaffone, 39

10. #8 Werner Neugebauer, 29

11. #888 Lineu Pires, 26

12. #80 Rouman Ziemkiewicz, 25

13. #87 Nelson Monteiro, 17

14. #88 Georgios Frangulis, 12

#29 Rodrigo Mello, 12

16. #5 Sylvio de Barros, 10

17. #77 Francisco Horta, 8

18. #17 Leonardo Sanchez, 5

#85 Eduardo Menossi, 5

20. #116 Marcelo Hahn, 4

21. #33 Bruno Campos, 1

#121 João Barbosa, 0

#9 Edu Guedes, 0

#25 Paulo Sousa, 0

#44 Gustavo Farah, 0


Carrera Cup Sport

1. #3 Franco Giaffone, 48 pontos

2. #70 Lucas Salles, 47

3. #80 Rouman Ziemkiewicz, 33

4. #88 Georgios Frangulis, 26

5. #77 Francisco Horta, 24

6. #85 Eduardo Menossi, 20

7. #116 Marcelo Hahn, 8


Carrera Cup Rookie

1. #888 Lineu Pires, 50 pontos

2. #87 Nelson Monteiro, 41

3. #33 Bruno Campos, 33

4. #5 Sylvio de Barros, 27

5. #121 João Barbosa, 23

6. #9 Edu Guedes, 20

7. #17 Leonardo Sanchez, 15

8. #44 Gustavo Farah, 15

9. #25 Paulo Sousa, 10


Sprint Challenge

1. #80 Raijan Mascarello, 82 pontos

2. #555 Ayman Darwich, 74

3. #1 Urubatan Junior, 68

4. #199 Nelson Marcondes, 59

5. #3 Cristian Mohr, 54

6. #20 Vina Neves, 47

7. #55 Ramon Alcaraz, 44

#22 Caio Castro, 44

9. #69 Daniel Corrêa, 41

10. #5 Marcelo Tomasoni, 39

11. #17 Ricardo Fontanari, 33

12. #117 Guilherme Bottura, 29

13. #77 Josimar Junior, 28

14. #14 André Gaidzinski, 25

15. #11 Márcio Mauro, 17

16. #33 Gustavo Zanon, 12

17. #7 Piero Cifali, 11

18. #71 SangHo Kim, 10

19. #58 Cláudio Simão, 8

20. #21 Miguel Mariotti, 6

#99 Nasser Aboultaif, 6

22. #78 Rafael Cardoso, 0

#2 Junior Dinardi, 0


Sprint Challenge Sport

1. #55 Ramon Alcaraz, 44 pontos

2. #117 Guilherme Bottura, 40

3. #77 Josimar Junior, 34

4. #14 André Gaidzinski, 31

5. #33 Gustavo Zanon, 19

6. #7 Piero Cifali, 17

7. #71 SangHo Kim, 14

8. #99 Nasser Aboultaif, 10

9. #21 Miguel Mariotti, 8

#58 Cláudio Simão, 8

11. #78 Rafael Cardoso, 4

12. #2 Junior Dinardi, 0


Sprint Challenge Rookie

1. #7 Piero Cifali, 41 pontos

2. #33 Gustavo Zanon, 39

3. #71 SangHo Kim, 30

4. #99 Nasser Aboultaif, 24

5. #78 Rafael Cardoso, 8

6. #2 Junior Dinardi, 0


Porsche Cup C6 Bank Mastercard – Etapa 3 – Cronograma:

Domingo, 12 de junho de 2022

12:10 – 12:38 – Corrida 2 – Carrera Cup

12:49 – 13:17 – Corrida 2 – Sprint Challenge

7 views0 comments