• Redação

Pedro Clerot e Ricardo Gracia abrem BRB Fórmula 4 Brasil com vitória no Velocitta

A mais nova categoria do automobilismo nacional realizou as primeiras corridas da sua história neste sábado, em dia de muita emoção em Mogi Guaçu

A história do automobilismo brasileiro teve uma promissora página escrita neste sábado, 14 de maio. O Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo, foi palco das duas primeiras corridas do BRB Fórmula 4 Brasil Certificado pela FIA. A festa pela vitória ficou com Pedro Clerot na Corrida 1, com Nicholas Monteiro e Nicolas Giaffone no pódio, enquanto Ricardo Gracia triunfou na segunda prova, a mais curta do fim de semana, e top-3 completado por Felipe Barrichello Bartz, da Cavaleiro, e o primo, Fernando Barrichello, também da Full Time.


Vitórias de ponta a ponta

As duas corridas tiveram dinâmica bem parecida em Mogi Guaçu. Pedro Clerot, dono da pole position na primeira prova, manteve a ponta do início ao fim das 17 voltas para se tornar o histórico primeiro vencedor de corrida na F4 Brasil. Com 15 anos, o brasiliense, representante da Full Time Sports, foi seguido pelo norte-americano Nicholas Monteiro, da TMG Racing, enquanto Nicolas Giaffone, com o carro da Cavaleiro Sports, foi o terceiro.

Houve grande disputa pelo top-5, que foi completado por Fefo Barrichello e Victor Backes, da Full Time e da KTF Sports, respectivamente. Ricardo Gracia, depois do incidente com Lucas Staico na primeira volta, conseguiu terminar em sétimo, enquanto Felipe Barrichello Bartz foi o oitavo. ‘Pipe’ abriu o grid da Corrida 2 em razão da regra do grid invertido. João Tesser e Luan Lopes completaram a relação dos dez primeiros e também pontuaram na etapa.

“É uma sensação incrível. Dominamos essa corrida. Quero agradecer à Full Time, que trabalhou muito duro nesse fim de semana. É muito bom começar o fim de semana com uma vitória e já como líder do campeonato”, declarou o primeiro vencedor da categoria.


Segunda corrida

A segunda prova do fim de semana teve grid invertido nas oito primeiras posições em relação à corrida que abriu a etapa. Bartz largou na frente, mas foi superado curvas depois por Ricardo Gracia, que abriu vantagem na liderança. Com 17 anos, o piloto nascido em Araçatuba seguiu na ponta até o fim da prova e cruzou a linha de chegada para entregar mais uma vitória à Full Time no fim de semana.

Felipe Bartz resistiu à forte pressão dos concorrentes e confirmou seu primeiro pódio na categoria, em segundo, enquanto o primo Fernando Barrichello completou em terceiro. Pedro Clerot garantiu a quarta posição e Lucas Staico, o quinto, à frente de Luan Lopes e Nicolas Giaffone. Backes tentou a ultrapassagem sobre Bartz na última volta, mas teve o carro avariado após um incidente e caiu para oitavo, fechando a zona de pontuação.


“Estou me sentindo muito bem, muito feliz. Trabalhamos muito por isso. Nessa corrida, graças a Deus, larguei de segundo, subi para primeiro e mantive até a vitória. Amanhã tem mais”, comemorou Ricardinho, cujo pai é primo de Marcos Gracia, campeão da Stock Car em 1986.

Rubens Barrichello, pai de Fefo e tio de Felipe Bartz e Nicolas Giaffone, não conteve a emoção e foi às lágrimas nas duas corridas deste sábado. O campeão da Stock Car em 2014 vibrou com o pódio do filho na Corrida 2. “Estou tão feliz por ele porque é uma realização dele... Ele tem pouco tempo de asfalto. Ele está de parabéns”, disse o piloto, prestes a completar 50 anos, no próximo dia 23 de maio.


Clerot assume liderança

Com uma vitória e um quarto lugar neste sábado, Pedro Clerot é o novo líder da temporada. O brasiliense soma 36 pontos, considerando um tento de bonificação pela volta mais rápida da Corrida 1. Ricardo Gracia, vencedor da prova curta da etapa do Velocitta, tem agora 22 pontos e está empatado com Fefo Barrichello. Nicholas Monteiro é o quarto e tem 18, um a mais que Nicolas Giaffone. Felipe Bartz tem 16, seguido por Victor Backes, com 11. Richard Annunziata, com 8, Lucas Staico, com 6, e Luan Lopes, com 5, fecham a relação dos dez primeiros colocados do campeonato até o momento.


A terceira prova do fim de semana do BRB Fórmula 4 Brasil tem largada marcada para 12h05 deste domingo, com 25 minutos mais uma volta de duração. A transmissão ao vivo fica por conta do canal BandSports, além das mídias oficiais da categoria no YouTube e Facebook e do Twitch da Tribo do Gaules.


BRB Fórmula 4 Brasil, Corrida 1, Velocitta, resultado final

1º - Pedro Clerot (Full Time Sports) – 16 voltas

2º - Nicholas Monteiro (TMG Racing) – a 7s904

3º - Nicolas Giaffone (Cavaleiro Sports) – a 11s961

4º - Fernando Barrichello (Full Time Sports) – a 13s458

5º - Richard Annunziata (KTF Sports) – a 26s207

6º - Victor Backes (KTF Sports) – a 28s034

7º - Ricardo Gracia (Full Time Sports) – a 28s690

8º - Felipe Bartz (Cavaleiro Sports) – a 28s992

9º - João Tesser (Cavaleiro Sports) – a 29s718

10º - Luan Lopes (KTF Sports) – a 29s963

11º - Vinícius Tessaro (Cavaleiro Sports) – a 39s130

12º - Lucca Zucchini (TMG Racing) – a 1 volta


Não completaram

Nelson Neto (Full Time Sports) – a 13 voltas

Aurélia Nobels (TMG Racing) – a 13 voltas

Lucas Staico (TMG Racing) – a 15 voltas


Corrida 2, resultado final:

1º - Ricardo Gracia (Full Time Sports) - 12 voltas

2º - Felipe Bartz (Cavaleiro Sports) – a 11s886

3º - Fernando Barrichello (Full Time Sports) – a 12s290

4º - Pedro Clerot (Full Time Sports) – a 13s848

5º - Lucas Staico (TMG Racing) – a 14s217

6º - Luan Lopes (KTF Sports) – a 15s138

7º - Nicolas Giaffone (Cavaleiro Sports) – a 17s473

8º - Victor Backes (KTF Sports) – a 18s911

9º - Nicholas Monteiro (TMG Racing) – a 19s139

10º - João Tesser (Cavaleiro Sports) – a 19s226

11º - Vinícius Tessaro (Cavaleiro Sports) – a 19s514

12º - Lucca Zucchini (TMG Racing) – a 22s103

13º - Nelson Neto (Full Time Sports) – a 22s470

14º - Richard Annunziata (KTF Sports) – a 28s289


Não completou

Aurélia Nobels (TMG Racing) – a 3 voltas


Classificação do campeonato após 2 corridas

1º - Pedro Clerot, 36 pontos

2º - Ricardo Gracia, 22

3º - Fernando Barrichello, 22

4º - Nicholas Monteiro, 18

5º - Nicolas Giaffone, 17

6º - Felipe Bartz, 16

7º - Victor Backes, 11

8º - Richard Annunziata, 8

9º - Lucas Staico, 6

10º - Luan Lopes, 5

11º - João Tesser, 2

12º - Vinícius Tessaro, 0

13º - Lucca Zucchini, 0

14º - Nelson Neto, 0

15º - Aurélia Nobels, 0

16º - Álvaro Cho, 0

4 views0 comments