• Vranlei Correa

RUMO À LISBOA

BÉLGICA JOGA PARA O GASTO, PORTUGAL PERDE CHANCES E DÁ ADEUS À COMPETIÇÃO


BÉLGICA 1 X 0 PORTUGAL

O chute de Hazard definiu o destino de Bélgica e Portugal. (Foto: Divulgação/UEFA)

O 4° jogo das oitavas de final da EURO 2020 reservou um confronto pra lá de interessante, ao menos no papel, no La Cartuja Stadium, em Sevilla. A Bélgica, que vinha crescendo na competição, jogaria diante da estrelada seleção de Portugal, atual campeão da competição.


Porém, o que era esperado no papel não aconteceu em campo. O jogo começou muito nervoso e arrastado, com as seleções cautelosas e, quando as chances apareceram, foram desperdiçadas com veemência. Pior para Portugal, que viu Courtois fazer uma grande defesa na cobrança de falta de Cristiano Ronaldo e, quase próximo do intervalo, assistiu ao golaço de Thorgan Hazard para abrir o placar da partida.

O torcedor "Smurf" estava bem tenso vendo a partida. (Foto: Divulgação/UEFA)

O segundo tempo foi ainda mais nervoso. Portugal aumentou o seu volume de jogo e começou a encurralar a seleção belga, que apostava nas saídas rápidas em contra-ataque para matar o jogo. Mas, assim como na primeira etapa, os portugueses cansavam de perder oportunidades. A partir dos 75 minutos, foi um "Deus nos acuda", o jogo ganhou em velocidade, mas perdeu muito em qualidade.


Houve tempo para mais uma defesa fundamental de Courtois, e também uma bola perigosa que parou na trave. Mas o dia não era do portugueses que, ao fim do jogo, despediram-se EURO 2020.


Jogador da partida: Thorgan Hazard (Bélgica)


CURIOSIDADES:

-> A Bélgica venceu 23 dos seus últimos 27 jogos;

-> Este é o segundo torneio consecutivo em que os atuais campeões caíram nas oitavas; o primeiro foi a Espanha em 2016;

-> Portugal não conseguiu marcar pela primeira vez em nove jogos da fase final da EURO;

-> Com 38 anos e 121 dias, Pepe se tornou o jogador mais velho a iniciar uma partida eliminatória da EURO.


Escalações:

Bélgica: Courtois; Alderweireld, Vermaelen, Vertonghen; Meunier, Tielemans, Witsel, T. Hazard (Dendoncker 90); De Bruyne (Mertens 48), Lukaku, E. Hazard (Carrasco 87)


Portugal: Rui Patrício; Dalot, Rúben Dias, Pepe, Guerreiro; João Moutinho (João Félix 55), João Palhinha (Danilo 78), Renato Sanches (Sérgio Oliveira 78); Bernardo Silva (Bruno Fernandes 55), Ronaldo, Diogo Jota (André Silva 70)


A seleção aparece como uma das favoritas ao título. (Foto: Divulgação/UEFA)

2 views0 comments

Recent Posts

See All