• Redação

SUPERCLÁSSICO NA FINAL

BRASIL E ARGENTINA CONFIRMAM FAVORITISMO E DUELAM PELO TÍTULO DA COPA AMÉRICA 2020


BRASIL 1 X 0 PERU

Brasil classificou para a final da CONMEBOL Copa América-2021 ao vencer o Peru por 1-0 nesta segunda-feira no Rio de Janeiro.


O anfitrião e vigente campeão soube manter o gol de Lucas Paquetá, anotado aos 35 minutos após uma esplêndida jogada individual de Neymar, para obter o primeiro boleto à final do torneio de seleções mais antigo do mundo, que será disputado no lendário Maracanã no dia 10 de julho.


Brasil voltou a triunfar sobre os peruanos, que já tinham sido goleados por 4-0 na fase de grupos, e 3-1 na final da CONMEBOL Copa América-2019, também disputada no templo sul-americano.


Agora o Brasil, enfrentará o seu maior rival sul-americano a Argentina na final da competição.


CURIOSIDADES DA PARTIDA:

· A semifinal da CONMEBOL Copa América 2021 foi o terceiro confronto entre Brasil e Peru nesta fase do torneio. Nas duas edições anteriores, a equipe que classificou para a final foi campeã: Brasil em 1997 e Peru em 1975.

· Tite igualou Mário Zagallo como o treinador brasileiro com maior racha invicta na CONMEBOL Copa América (12PJ). Tite venceu 9 jogos e empatou 3, enquanto Zagallo triunfou em 10 e empatou 2.

· Peru é a seleção que o Brasil mais confrontou na era Tite em todas as competições (7) e que o Brasil mais venceu neste intervalo (6). Seu único jogo sem vitória foi quando perdeu por 1-0 em uma partida amistosa em 2019.

· Lucas Paquetá anotou gols em jogos consecutivos com a Seleção Brasileira pela primeira vez em sua carreira.

· Neymar é o jogador que recebeu mais faltas na CONMEBOL Copa América 2021 (25). No confronto contra o Peru, Neymar sofreu 3 faltas.

· Brasil fez mais chutes a gol no primeiro tempo (7) e menos no segundo tempo (1) na CONMEBOL Copa América 2021.

· Tite tem a quinta melhor porcentagem de vitórias de um treinador na história da CONMEBOL Copa America (75%) entre os técnicos com pelo menos 10 jogos no torneio (9V 3E). José Pedro Cea lidera o ranking (9V 1E, 90%).



ARGENTINA 1 (3) X 1 (2) COLÔMBIA

Argentina confrontará o Brasil na final da CONMEBOL Copa América-2021, após vencer a Colômbia por 3-2 em uma emocionante definição nos pênaltis, logo do empate 1-1.


Agora, Argentina irá em busca da coroação no sábado no templo do futebol brasileiro contra a seleção local e tentará cumprir o desejo de Messi de obter seu primeiro troféu com sua seleção.


Lionel Messi, Leandro Paredes e Lautaro Martínez anotaram nos 12 passos, e o goleiro Emiliano Martínez defendeu os disparos de Davinson Sánchez, Yerry Mina e Edwin Cardona para a classificação da 'Alviceleste', que avançou com seu astro ao jogo definitivo do torneio de seleções como não fazia desde 2016. Sábado, no Maracanã, a Argentina buscará seu almejado título após 28 anos da última conquista.


No jogo, Lautaro Martínez anotou para a Argentina aos 6 minutos, com assistência de Messi. Luis Díaz, por outro lado, marcou aos 60' para os 'cafeteiros'.


Nenhuma equipe conseguiu demonstrar uma hierarquia no placar e, no final, a definição foi para os 12 passos do arco que, assim como na semifinal que ambos disputaram em 1993, teve final feliz para a Argentina, que terminaria campeã daquele torneio.


CURIOSIDADES DA PARTIDA:

· Argentina e Colômbia definiram três séries da CONMEBOL Copa América nos pênaltis: em todas a Argentina venceu, incluindo a semifinal da edição de 1993 onde a 'Alviceleste' ergueu a Copa.

· Com Lionel Scaloni como treinador, Argentina confrontou 4 vezes a Colômbia (1 amistoso, 1 duelo nas Eliminatórias Sul-Americanas e 2 na CONMEBOL Copa América) e nunca conseguiu vencê-la nos 90 minutos (3E 1D).

· Argentina ganhou da Colômbia só 2 dos últimos 10 jogos em terreno neutro (5E 3D).

· Foi a partida com mais faltas da atual CONMEBOL Copa América: 47 totais, 20 da Argentina e 27 da Colômbia. Até esta noite, o maior histórico de faltas era do jogo Colômbia x Equador (35) na fase de grupos.

· Foi o encontro com mais cartões amarelos da atual edição da CONMEBOL Copa América: 10 totais, 4 para a Argentina e 6 para a Colômbia.

· Excluindo o jogo contra a Bolívia, nesta CONMEBOL Copa América, Argentina tem uma média de 58% de posse quando o jogo está empatado e 40% quando está com vantagem.

· Juan Cuadrado disputou seu jogo número 100 na seleção da Colômbia: 9 em Mundiais, 20 na CONMEBOL Copa América, 32 nas Eliminatórias Sul-Americanas e 39 em amistosos internacionais. Além disso, marcou 8 gols. Sua estreia foi no dia 3 de setembro de 2010 contra a Venezuela em um amistoso.

· Luis Díaz marcou o gol do empate e termina na CONMEBOL Copa América 2021 como artilheiro da seleção colombiana (2). Além disso, foi o quarto jogador colombiano com mais finalizações no torneio (6), atrás de Duván Zapata (14), Miguel Borja (10) e Yerry Mina (8).


Recent Posts

See All