• Victor Nunes Freitas

TRAE YOUNG ESPETACULAR E NA HISTÓRIA!

Confira tudo sobre Hawks x Bucks!

Em show de Trae Young, que foi o líder de pontos a cada quarto da equipe de Atlanta, os Hawks venceram o Milwaukee Bucks por 116 x 113 e o detalhe o jogo foi em Milwaukee. Já pelos Bucks, Antetokounmpo marcou 34 pontos, e por uma assistência, ele não saiu de quadra com um Triplo Duplo, o grego teve 12 rebotes e 9 assistências na partida, mas isso não impediu seu time de sair derrotado na primeira partida da série.


Esse foi o 4º encontro entre Bucks x Hawks na temporada e igual aos outros confrontos a partida foi equilibrada e com diferença abaixo da casa dos 15 pontos.



Breve resumo como chegaram as equipes...

O Milwaukee Bucks chegou a final da Conferência Leste após passar sem dó nem piedade o Miami Heat por 4x0 na série nas quartas, e ter passado com uma emoção digna de jogo 7, o Brooklyn Nets do Big Three (Kyrie Irving, Kevin Durant e James Harden).


Já o Atlanta Hawks chegou aos playoffs como azarão, pois teve demissão de técnico durante a temporada e após a chegada de Nate McMillan o time engrenou. Chegou a pós-temporada enfrentando o New York Knicks e vencendo a série aplicando um sonoro 4x1 nas quartas e passou pelo badalado e melhor time da Conferência, o Philadelphia 76ers também após a necessidade de um jogo 7.

1º Quarto – 25 x 28

Já no primeiro quarto Trae Young já mostrou quem tomaria as rédeas do confronto e marcou 12 pontos saindo como o cestinha, mas isso não foi o suficiente para que o Atlanta saísse com a vantagem. Giannis acabou o primeiro quarto com 8 pontos e 6 rebotes, além do domínio no garrafão.


Foto: O voo de Giannis | @Bucks


2º Quarto – 54 x 59

Segundo período começou igual ao primeiro com as equipes buscando o garrafão e com os Bucks na liderança do quarto. Com os pontos de Young e Huerter a equipe de Atlanta alcançou a liderança do confronto, mas nos minutos finais apareceu Jrue Holiday que com duas cestas de 3 pontos seguidas tomou de volta para os Bucks a liderança do confronto no primeiro tempo.


Os destaques nos Bucks foram Giannis que acabou o primeiro tempo com 14 pontos, 7 rebotes e 6 assistências, e Jrue Holiday que fez 16 pontos e desbancou o gigante grego.

Já no Hawks o destaque foi mesmo Trae Young que marcou 25 pontos e 4 assistências, e executou com maestria os pick-and-roll deixando seus companheiros em boas situações para marcar pontos.


Foto: Showtime Jrue Holiday | @Bucks


3º Quarto – 88 x 85

Após o intervalo o Atlanta voltou com tudo e Trae Young continuou aprontando contra a defesa dos Bucks tanto com os pontos, quanto com o seu pick-and-roll e distribuindo assistências, e a vantagem que o Bucks tinha construído ainda no primeiro tempo foi apagada e o Atlanta abriu vantagem para o último e decisivo quarto da partida. Nesse quarto vemos os primeiros pontos na partida de Bogdan Bogdanovic, mas a parceria perfeita para Young foi John Collins que no final do período foi desbancado por Young.


Foto: Bogdanovic em ação após lesão | @Bucks


4º Quarto – 116 x 113

O último período começou movimentadíssimo e os Bucks comandados por Holiday e Giannis foram atrás da diferença negativa que tiveram no último quarto. Quando faltava exatos 4 minutos para o fim de jogo o Bucks vencia por 105 x 98, e no confronto do quarto 20 x 10. Mas aí apareceu o trio Young, Capela e Collins que foram buscar a vitória pro time de Atlanta. Pat Connaughton conseguiu um airball incrível e no rebote Young sofreu falta e converteu os lances livres. Giannis em seguida sofreu falta e converteu também seus dois lances livres. No reinício de jogo Young sofreu e converteu os dois lances livres 116 x 113. No retorno Middleton tentou uma cesta de três pontos, porém deu aro e números finais a partida.


Foto: Trae decide e entra pra história da NBA | @TheTraeYoung

Bucks: Giannis 34 pontos, 12 rebotes e 9 assistências; Jrue Holiday 33 pontos, 4 rebotes e 10 assistências; Khris Middleton 15 pontos, 5 rebotes e 4 assistências; Bobby Portis 11 pontos e 8 rebotes.


Hawks: Young 48 pontos, 7 rebotes e 11 assistências; John Collins 23 pontos e 15 rebotes; Kevin Huerter 13 pontos; Clint Capela 12 pontos e 19 rebotes


Entrou na História

O jogo marcou Trae Young na história da NBA por ser o primeiro jogador a marcar pelo menos 20 pontos e 7 assistências em 12 jogos dos playoffs e o jovem conseguiu também entrar para o seleto grupo ao lado de ninguém menos que LeBron James a conseguir marcar 48 pontos numa final de Playoffs com 22 anos ou menos.

8 views1 comment

Recent Posts

See All