• Redação

Vasco derrota a Ponte Preta em São Januário; Guarani supera Criciúma pela Série B

No Rio de Janeiro, Cruzmaltino fez 1 a 0 na Macaca, mesmo placar do triunfo do Bugre sobre o Tigre em Campinas (SP); equipes vencem primeira na competição


Duas partidas encerraram a quarta rodada do Brasileirão SportingBet Série B no fim da noite desta quarta-feira (27). Em São Januário, no Rio de Janeiro, o Vasco bateu a Ponte Preta por 1 a 0 – gol de Raniel. Marcador igual da vitória do Guarani sobre o Criciúma com gol de Diogo Mateus, no Brinco de Ouro, em Campinas (SP). Ambos triunfaram pela primeira vez na competição em 2022.


OS JOGOS


Guarani 1 x 0 Criciúma-SC

No Brinco de Ouro, em Campinas (SP), o Guarani venceu o Criciúma. O primeiro tempo foi de domínio do Tigre. A equipe visitante terminou com 13 finalizações, contra três do Bugre, além de permanecer com a posse por 62% do tempo, contra 38% dos paulistas. No entanto, a grande atuação do goleiro Kozlinski, que operou belíssimas defesas, manteve o placar zerado nos 45 minutos iniciais.


Já na segunda etapa, o cenário se inverteu. O Guarani tomou as rédeas da partida, criou oportunidades e chegou ao gol. Na altura dos 26, o Bugre teve um pênalti a seu favor. Diogo Mateus cobrou, Gustavo defendeu, mas no rebote ele estufou as redes e fez o gol que definiu o primeiro triunfo paulista na Série B de 2022.


Na classificação, o Guarani chega aos quatro pontos e assume o 14º lugar. Duas posições acima está o Criciúma, com a mesma pontuação, mas à frente nos critérios de desempate.


Vasco 1 x 0 Ponte Preta-SP

No Rio de Janeiro, em São Januário, o Vasco conseguiu sua primeira vitória na Série B ao superar a Ponte Preta. A etapa inicial foi equilibrada. A Macaca teve mais a posse de bola, no entanto o Cruzmaltino finalizou o triplo de vezes ao gol. Em um desses chutes, aos 30 minutos, o time carioca foi às redes: Nenê cobrou a bola parada pela direita, Figueiredo escorou com estilo na segunda trave, e na pequena área, Raniel apareceu e empurrou para o fundo do gol adversário.


No segundo tempo, o time paulista conseguiu reter mais a bola, chegando a 76% de percentual de posse, mas continuou com dificuldades de infiltrar na defesa do Vasco e criar lances perigosos no ataque. Com isso, o placar se manteve assim, com o triunfo vascaíno por 1 a 0.


A tabela de classificação mostra o Vasco em oitavo lugar, agora com seis pontos somados. Já a Ponte tem quatro conquistados e está em 15º.

3 views0 comments